top of page
  • Foto do escritorKamilla Póvoa

Quatro startups da TEC Incubadora são aprovadas no Edital Catalisa ICT



Quatro promissoras startups da TEC Incubadora foram aprovadas no Edital Catalisa ICT, uma iniciativa que visa impulsionar o desenvolvimento de projetos inovadores no cenário tecnológico brasileiro.


Essas empresas de Campos, são prova do potencial e da excelência que a região tem demonstrado na interação entre a academia e a indústria. As startups selecionadas são a Recicle Siri (Startup de Macaé, mas participou do StartupCampos), a Congresse.me, a MF Papaya e a X-Press Imuno. Cada uma delas traz consigo propostas únicas e soluções inovadoras para desafios contemporâneos, desde inteligência artificial até plataformas de gestão de eventos e tecnologias de saúde.


A conquista dessas startups em um edital de alcance nacional ressalta não apenas a qualidade do empreendedorismo tecnológico em Campos, mas também a capacidade de estabelecer uma sólida ponte entre as instituições de ensino e pesquisa locais e o setor produtivo.


O presidente da Tec Incubadora, Henrique da Hora, falou sobre a importância do empreendedorismo e a importância de resultados como esse.


"A TEC Incubadora é esse caminho que conecta as demandas da sociedade com as pesquisas científicas. O empreendedorismo tem se mostrado uma exitosa forma de conectar essas duas partes da sociedade, e promovido uma universidade mais alinhada o futuro. Resultados como esse não apenas nos dizem que estamos no caminho certo, mas também nos trazem a responsabilidade de sermos referência no Brasil como um ecossistema de empreendedorismo e inovação localizado em uma cidade no interior, longe da região metropolitana", disse.


O CEO da Congresse.me, Luiz Gustavo Borges falou sobre esse momento da aprovação da startup.


"A aprovação no Catalisa confirma o perfil inovador do E-publiQ desde sua essência. O projeto consiste em uma plataforma sustentável de trabalhos científicos, integrada ao mercado e academia, onde autores publicam e deixam públicos seus conhecimentos, gerando impacto na sociedade. Essa participação no Catalisa, integrado com o apoio do EMBRAPII, do Polo de Inovação e da Tec Incubadora, já oferecem robustez para a entrada no mercado através da Congresse.me, maior realizadora de eventos técnico científicos do país. Estamos muito empolgados com essa jornada e as perspectivas que vêm se apresentando para esse ano", falou.


Esse resultado notável evidencia que a cidade está se destacando como um polo de inovação, onde o conhecimento acadêmico se converte em soluções práticas e aplicáveis para a indústria.


Essas startups não apenas representam um sucesso para seus fundadores e para a cidade de Campos, mas também oferecem um exemplo inspirador para outras regiões do país, mostrando que a colaboração entre academia e indústria pode gerar resultados significativos e transformadores para a economia e a sociedade como um todo.

30 visualizações

Комментарии


bottom of page